quinta-feira, 24 de Julho de 2014

Os Dois Concertos



1. Que dois concertos são apresentados na Bíblia?

Hebreus 8:13 - Dizendo Nova aliança, envelheceu a primeira. Ora, o que foi tornado velho, e se envelhece, perto está de acabar.

2. Porque termos são designados esses concertos?

Hebreus 8:7 - Porque, se aquela primeira fora irrepreensível, nunca se teria buscado lugar para a segunda.

3. Em relação a que momento histórico, foi feito o velho concerto?

Hebreus 8:9 - Não segundo a aliança que fiz com seus pais No dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egipto; Como não permaneceram naquela minha aliança, Eu para eles não atentei, diz o Senhor.
Êxodo 19:3-8 - E subiu Moisés a Deus, e o SENHOR o chamou do monte, dizendo: Assim falarás à casa de Jacó, e anunciarás aos filhos de Israel: Vós tendes visto o que fiz aos egípcios, como vos levei sobre asas de águias, e vos trouxe a mim; Agora, pois, se diligentemente ouvirdes a minha voz e guardardes a minha aliança, então sereis a minha propriedade peculiar dentre todos os povos, porque toda a terra é minha. E vós me sereis um reino sacerdotal e o povo santo. Estas são as palavras que falarás aos filhos de Israel. E veio Moisés, e chamou os anciãos do povo, e expôs diante deles todas estas palavras, que o SENHOR lhe tinha ordenado.Então todo o povo respondeu a uma voz, e disse: Tudo o que o SENHOR tem falado, faremos. E relatou Moisés ao SENHOR as palavras do povo.

4. Quando Deus estava para proclamar Sua Lei a Israel, que disse a Moisés que lhes lembrasse?

Êxodo 19: 3,4 - E subiu Moisés a Deus, e o SENHOR o chamou do monte, dizendo: Assim falarás à casa de Jacó, e anunciarás aos filhos de Israel: Vós tendes visto o que fiz aos egípcios, como vos levei sobre asas d...e águias, e vos trouxe a mim;

5. Que lhes propôs Ele?

Êxodo 19: 5,6 - Agora, pois, se diligentemente ouvirdes a minha voz e guardardes a minha aliança, então sereis a minha propriedade peculiar dentre todos os povos, porque toda a terra é minha. E vós me sereis um reino sacerdotal e o povo santo.

6. Que respondeu o povo a esta proposta?

Êxodo 19: 8 - Então todo o povo respondeu a uma voz, e disse: Tudo o que o SENHOR tem falado, faremos. E relatou Moisés ao SENHOR as palavras do povo.

7. Neste concerto com Israel, que obrigação foi imposta ao povo?

Êxodo 19:5 - Agora, pois, se diligentemente ouvirdes a minha voz e guardardes a minha aliança (concerto). Primeira parte do texto

8. Sobre o que se baseava esse concerto com Deus?

Deuteronómio 4:13 - Então vos anunciou ele a sua aliança que vos ordenou cumprir, os dez mandamentos, e os escreveu em duas tábuas de pedra.

Tanto o velho como o novo concertos, baseavam-se nos dez mandamentos. Propondo um concerto com Israel, disse Deus: Se diligentemente ouvirdes a minha voz, e guardardes o meu concerto? Etc… Êxodo 19:5. (Ver Êxodo 24:8). A obediência aos dez mandamentos foi a condição do velho concerto, em relação à qual Deus fez certas promessas ao povo. A obediência aos mesmos dez preceitos é igualmente a base do novo concerto, pois o Senhor declarou: “Este é o concerto que farei com a casa de Israel, diz o Senhor; porei as minhas Leis no seu entendimento, e em seu coração e as escreverei; E Eu lhes serei por Deus, e eles Me serão por povo” Hebreus 8:10. Assim como disse Stewart M.Robinson, “alei é um parágrafo de um concerto de Graça.” (The Presbyterian, 28 de Julho de 1932.) Sob o evangelho, só pode participar do novo concerto quem tenha conhecimento da lei de Deus, e lhe obedeça sinceramente.

9. Depois de proclamada a lei no Sinai, que disse Deus novamente o povo?

Êxodo 24:3 - Veio, pois, Moisés, e contou ao povo todas as palavras do SENHOR, e todos os estatutos; então o povo respondeu a uma voz, e disse: Todas as palavras, que o SENHOR tem falado, faremos.

10. A fim de que não houvesse dúvidas, que fez Moisés?

Êxodo 24:4-7 - Moisés escreveu todas as palavras do SENHOR, e levantou-se pela manhã de madrugada, e edificou um altar ao pé do monte, e doze monumentos, segundo as doze tribos de Israel; E enviou alguns jovens dos filhos de Israel, os quais ofereceram holocaustos e sacrificaram ao SENHOR sacrifícios pacíficos de bezerros. E Moisés tomou a metade do sangue, e a pôs em bacias; e a outra metade do sangue espargiu sobre o altar. E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o SENHOR tem falado faremos, e obedeceremos.

11. Que prometeu o povo mais uma vez fazer?

Êxodo 24:7 - E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o SENHOR tem falado faremos, e obedeceremos.

12. Como foi esse concerto então confirmado e aceito solenemente?

Êxodo 24:5-8 - E enviou alguns jovens dos filhos de Israel, os quais ofereceram holocaustos e sacrificaram ao SENHOR sacrifícios pacíficos de bezerros. E Moisés tomou a metade do sangue, e a pôs em bacias; e a outra metade do sangue espargi...u sobre o altar. E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o SENHOR tem falado faremos, e obedeceremos. Então tomou Moisés aquele sangue, e espargiu-o sobre o povo, e disse: Eis aqui o sangue da aliança que o SENHOR tem feito convosco sobre todas estas palavras.

13. Como descreve S. Paulo esta ratificação do concerto?

Hebreus 9:19,20 - Porque, havendo Moisés anunciado a todo o povo todos os mandamentos segundo a lei, tomou o sangue dos bezerros e dos bodes, com água, lã purpúrea e hissope, e aspergiu tanto o mesmo livro como todo o povo, Dizendo: Este é o sangue do testamento que Deus vos tem mandado.

Temos aqui uma descrição ,completa da instituição do primeiro ou velho concerto. Deus prometera fazer deles Seus povo peculiar, sob condição de Lhe obedecerem aos Seus mandamentos. Três vezes eles prometeram obediência. O concerto foi então ratificado ou selado com sangue.

14. Decorridos menos de quarenta dias depois de ter feito este concerto, enquanto Moisés tardava no monte, que disse o povo a Arão?

Êxodo 32: 1 - Mas vendo o povo que Moisés tardava em descer do monte, acercou-se de Arão, e disse-lhe: Levanta-te, faze-nos deuses, que vão adiante de nós; porque quanto a es...te Moisés, o homem que nos tirou da terra do Egipto, não sabemos o que lhe sucedeu.

15. Ao descer do Sinai, que viu Moisés?

Êxodo 32: 19 - E aconteceu que, chegando Moisés ao arraial, e vendo o bezerro e as danças, acendeu-se-lhe o furor, e arremessou as tábuas das suas mãos, e quebrou-as ao pé do monte;

É aqui revelado o grande objectivo ou segredo do velho concerto. O povo não compreendeu a fraqueza e pecaminosidade de seu próprio coração, nem sua necessidade de divina graça e auxílio para guardar a lei; e assim, em sua ignorância prontamente comprometerem-se a lhe obedecer. Mas quase imediatamente começaram a cometer adultério, quebrando, assim a Lei de Deus, ou as suas condições impostas como parte no concerto. Entre si mesmas as condições eram boas; Mas em sua própria força o povo era incapaz de cumpri-las. O grande objectivo do velho concerto era, pois, ensinar ao povo suas fraquezas e incapacidade de guardar a lei sem o auxílio divino. Como a própria lei, sobre que se baseava o velho concerto, o desígnio deste era guardá-los para as providências do novo e eterno concerto, e conduzi-los a Cristo. Gálatas 3:23,24. E a lição que, como nação, Israel teve de aprender com isso, Cada individuo precisa agora de aprender antes de poder ser salvo. 

Não existe salvação para quem quer que confie em si próprio. Desajudado ninguém pode guardar a lei. Somente em Cristo há tanto a remissão dos pecados como poder para livrar de pecar. A quebra das tábuas da Lei significava que as condições do concerto haviam sido quebradas; e a renovação das tábuas (Êxodo 34:1 e 28), a paciência divina para com o seu povo

16. Em que difere o novo concerto do velho e em que o excede?

Hebreus 8:6 - Mas agora alcançou ele ministério tanto mais excelente, quanto é mediador de uma melhor aliança que está confirmada em melhores promessas.

17. Quais são as “melhores promessas” sobre que foi estabelecido o novo concerto?

Jeremias 31: 33,34 - Mas esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o SENHOR: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. E não ensinará mais cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: Conhecei ao SENHOR; porque todos me conhecerão, desde o menor até ao maior deles, diz o SENHOR; porque lhes perdoarei a sua maldade, e nunca mais me lembrarei dos seus pecados.

Hebreus 8:8-12 - Porque, repreendendo-os, lhes diz: Eis que virão dias, diz o Senhor, Em que com a casa de Israel e com a casa de Judá estabelecerei uma nova aliança, Não segundo a aliança que fiz com seus pais No dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egito; Como não permaneceram naquela minha aliança, Eu para eles não atentei, diz o Senhor. Porque esta é a aliança que depois daqueles dias Farei com a casa de Israel, diz o Senhor; Porei as minhas leis no seu entendimento, E em seu coração as escreverei; E eu lhes serei por Deus, E eles me serão por povo; E não ensinará cada um a seu próximo, Nem cada um ao seu irmão, dizendo: Conhece o Senhor; Porque todos me conhecerão, Desde o menor deles até ao maior. Porque serei misericordioso para com suas iniquidades, E de seus pecados e de suas prevaricações não me lembrarei mais.

Estas nada são mais são que as bênçãos do evangelho por meio de Cristo. São prometidas sob condição de arrependimento, confissão, fé e aceitação de Cristo, o Mediador de um novo concerto, que significa Salvação e obediência. Não havia no velho concerto providência para perdão, nem poder para obedecer. Verdade é que havia perdão durante a vigência do velho concerto, mas não por virtude do mesmo. O perdão tanto naquela época como agora, era obtido mediante as providências do novo concerto, cujos estatutos são mais antigos que o velho.

18. Em que declaração foi Cristo prometido como Salvador e Libertador do género humano, logo que entrasse o pecado?

Génesis 3:14,15 - Então o SENHOR Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto, maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e pó com...erás todos os dias da tua vida. E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.

O concerto da graça, com suas providências de perdão e paz, data da fundação do mundo.

19. A quem foi renovada mais tarde esta promessa do concerto?

Génesis 17:15-19 - Disse Deus mais a Abraão: A Sarai tua mulher não chamarás mais pelo nome de Sarai, mas Sara será o seu nome. Porque eu a hei de abençoar, e te darei dela um filho; e a abençoarei, e será mãe das nações; reis de povos sairão dela. Então caiu Abraão sobre o seu rosto, e riu-se, e disse no seu coração: A um homem de cem anos há de nascer um filho? E dará à luz Sara da idade de noventa anos? E disse Abraão a Deus: Quem dera que viva Ismael diante de teu rosto! E disse Deus: Na verdade, Sara, tua mulher, te dará um filho, e chamarás o seu nome Isaque, e com ele estabelecerei a minha aliança, por aliança perpétua para a sua descendência depois dele.

20. Quem foi aqui a semente aqui mencionada?

Gálatas 3:16 - Ora, as promessas foram feitas a Abraão e à sua descendência. Não diz: E às descendências, como falando de muitas, mas como de uma só: E à tua descendência, que é Cristo.

21. Que mostra que o novo ou segundo concerto, e o concerto abraãmico são virtualmente os mesmos?

Gálatas 3:29 - E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa.

Ninguém deve ficar confuso com os termos primeiro concerto e segundo concerto. Conquanto o concerto feito no Sinai seja chamado primeiro concerto, não é absolutamente o primeiro concerto que Deus fez com o homem. Muito antes disso fez Ele um concerto com Abraão; fez também um concerto com Noé e com Adão. Nem se deve supor que o primeiro ou velho ou velho concerto existisse por algum tempo na qualidade de único concerto com a humanidade, e que este devesse servir o seu propósito e terminar antes que qualquer pessoa pudesse participar das bênçãos prometidas no segundo ou novo concerto. Caso assim fosse durante algum tempo não haveria perdão para ninguém. O que é chamado novo ou segundo concerto, virtualmente existiu antes do concerto feito no Sinai; porque o concerto feito com Abraão foi confirmado em Cristo (Gál. 3:17), e é somente por Cristo que existe qualquer valor no novo ou segundo concerto. Não existe em virtude dos novo concerto, bênção alguma que se possa alcançar, a qual não haja sido prometida a Abraão. E nós, com quem é feito o novo concerto, só sendo filhos de Abraão, podemos participar de suas bênçãos e da herança que esse concerto promete. Gal. 3:7 e 9. E visto ninguém poder possuir qualquer coisa a menos que seja filho de Abraão, segue-se que, no que é chamado novo ou segundo concerto, nada existe que não estivesse no concerto feito com Abraão. O segundo concerto existia em todo pormenor essencial, excepto sua ratificação, muito antes do primeiro, e mesmo antes dos dias de Adão. É chamado segundo porque sua ratificação ocorreu depois do concerto feito e ratificado no Sinai.

22. Que é necessário onde existe testamento?

Hebreus 9:16,17 - Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador. Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive?

23. Com o sangue de quem foi ratificado o novo concerto?

Lucas 22:20 - Semelhantemente, tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue, que é derramado por vós.

24. Que poder há no sangue deste concerto?

Hebreus 13:20,21 - Ora, o Deus de paz, que pelo sangue da aliança eterna tornou a trazer dos mortos a nosso Senhor Jesus Cristo, grande pastor das ovelhas, Vos aperfeiçoe em toda a boa obra, para fazerdes a sua vontade, operando em vós o que perante ele é agradável por Cristo Jesus, ao qual seja glória para todo o sempre. Amém.

25. Por meio de que testamento, só, há, remissão de pecados?

Hebreus 9:14,15 - Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo? E por isso é Mediador de um novo testamento, pa...ra que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia debaixo do primeiro testamento, os chamados recebam a promessa da herança eterna.

O facto de Cristo, como mediador do segundo concerto, haver morrido para a remissão das transgressões ao primeiro concerto, mostra que não havia perdão por virtude do primeiro concerto.

26. Na vigência do velho concerto, que prometeu o povo?

Sob este concerto, o povo prometeu guardar todos os mandamentos de Deus a fim de ser Seu povo peculiar, e isto sem o auxílio de quem quer que fosse. Isto era uma promessa de tornarem-se justos. Mas Cristo diz: “Sem Mim nada podeis fazer.” S. João 15:5. E diz o profeta Isaías: “Todas as nossas ,justiças (são como trapo da imundícia.” Isa. 64:6. A única justiça perfeita é a divina, e esta só pode ser alcançada por meio da fé em Cristo. Rom. 3:20-26. A única justiça que assegurará. a entrada no reino de Deus é “a justiça que vem de Deus pela fé.” Filip. 3:9. Dos que herdam o reino de Deus, diz o Senhor: “... a sua justiça. que vem de Mim” (Isa. 54:17) ; e o profeta Jeremias diz de Cristo: “Este será o Seu nome, com que O nomearão: O Senhor Justiça Nossa.” Jer. 23:6.

27. Sob o novo concerto, que promete Deus fazer?

Jeremias 31:33 - Mas esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o SENHOR: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.

O novo concerto é uma providência para pôr o homem novamente em harmonia com a vontade divina, e pô-lo onde possa guardar a lei de Deus. Suas “melhores promessas” conferem o perdão dos pecados, graças para renovar o coração e poder para obedecer à lei de Deus. 

A dissolução do velho concerto e a feitura do novo, de maneira alguma abrogou a lei de Deus.

28. Onde sob o velho concerto, estava escrita a lei de Deus?

Deuteronómio 10:3,4 - Assim, fiz uma arca de madeira de acácia, e alisei duas tábuas de pedra, como as primeiras; e subi ao monte com as duas tábuas na minha mão. Então escreveu nas tábuas, conforme à primeira escritura, os dez mandamentos, que... o SENHOR vos falara no dia da assembleia, no monte, do meio do fogo; e o SENHOR mas deu a mim;

29. Onde sob o novo concerto, está escrita a lei de Deus?

Jeremias 31:33 - Mas esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o SENHOR: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.

30. Que razão é apresentada para a feitura do novo concerto?

Hebreus 9:7,8 - Porque, se aquela primeira fora irrepreensível, nunca se teria buscado lugar para a segunda. Porque, repreendendo-os, lhes diz: Eis que virão dias, diz o Senhor, Em que com a casa de Israel e com a casa de Judá estabelecerei uma... nova aliança,

A falta principal, em relação ao velho concerto, partiu do povo. Eles não eram capazes por si mesmos, de cumprir a sua parte no concerto, e ele não lhes proporcionava o auxílio para assim procederem. Não, havia nele, Cristo. Era de obras e não de graça. Apenas valia como meio para fazer-lhes reconhecer a própria pecaminosidade, bem como sua necessidade de auxílio divino.

31. Que une todos os crentes sob o novo concerto?

Efésios 2:11-13 - Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens; Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo. Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto.

32. SEMELHANÇA ENTRE OS DOIS CONCERTOS

Ambos são chamados concertos.

Ambos foram ratificados com sangue.

Ambos foram feitos com base na lei de Deus.

Ambos foram feitos com o povo de Deus.

Ambos foram estabelecidos sobre promessas.

33. DISSEMELHANÇA ENTRE OS DOIS CONCERTOS

VELHO CONCERTO

Chamado velho concerto

Chamado primeiro concerto

Um pacto temporário

Ratificado com o sangue de animais

Era repreensível

Era estabelecido sob as promessas do povo

Não tinha mediador

Não continha providência para o perdão dos pecados

Sob ele, a lei foi escrita em tábuas de pedra

Era de obras

Condições: Obedece e vive. Desobedece e morre.

34. DESSEMELHANÇA ENTRE OS DOIS CONCERTOS

NOVO CONCERTO

Chamado Novo concerto

Chamado segundo concerto

Um concerto eterno

Ratificado com o sangue de Cristo

É uma melhor promessa

É estabelecido sobre as promessas de Deus

Tem um mediador

Provê o perdão dos pecados

Sob ele, a lei é escrita nos corações

É de graça

Condições: Arrepende-te e serás perdoado; Crê e serás salvo

O VELHO

Se. Se vós. Se vós fizerdes.

Se vós fizerdes tudo

Se vós fizerdes tudo, estão,

Sereis o meu povo, e Eu serei o vosso Deus.

O NOVO

Eu. Eu farei.

Eu farei tudo.

Eu farei tudo, e,

Serei o vosso Deus, e vós sereis o meu povo.



1. Que dois concertos são apresentados na Bíblia?

Hebreus 8:13 - Dizendo Nova aliança, envelheceu a primeira. Ora, o que foi tornado velho, e se envelhece, perto está de acabar.

2. Porque termos são designados esses concertos?

Hebreus 8:7 - Porque, se aquela primeira fora irrepreensível, nunca se teria buscado lugar para a segunda.

3. Em relação a que momento histórico, foi feito o velho concerto?

Hebreus 8:9 - Não segundo a aliança que fiz com seus pais No dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egipto; Como não permaneceram naquela minha aliança, Eu para eles não atentei, diz o Senhor.
Êxodo 19:3-8 - E subiu Moisés a Deus, e o SENHOR o chamou do monte, dizendo: Assim falarás à casa de Jacó, e anunciarás aos filhos de Israel: Vós tendes visto o que fiz aos egípcios, como vos levei sobre asas de águias, e vos trouxe a mim; Agora, pois, se diligentemente ouvirdes a minha voz e guardardes a minha aliança, então sereis a minha propriedade peculiar dentre todos os povos, porque toda a terra é minha. E vós me sereis um reino sacerdotal e o povo santo. Estas são as palavras que falarás aos filhos de Israel. E veio Moisés, e chamou os anciãos do povo, e expôs diante deles todas estas palavras, que o SENHOR lhe tinha ordenado.Então todo o povo respondeu a uma voz, e disse: Tudo o que o SENHOR tem falado, faremos. E relatou Moisés ao SENHOR as palavras do povo.

4. Quando Deus estava para proclamar Sua Lei a Israel, que disse a Moisés que lhes lembrasse?

Êxodo 19: 3,4 - E subiu Moisés a Deus, e o SENHOR o chamou do monte, dizendo: Assim falarás à casa de Jacó, e anunciarás aos filhos de Israel: Vós tendes visto o que fiz aos egípcios, como vos levei sobre asas d...e águias, e vos trouxe a mim;

5. Que lhes propôs Ele?

Êxodo 19: 5,6 - Agora, pois, se diligentemente ouvirdes a minha voz e guardardes a minha aliança, então sereis a minha propriedade peculiar dentre todos os povos, porque toda a terra é minha. E vós me sereis um reino sacerdotal e o povo santo.

6. Que respondeu o povo a esta proposta?

Êxodo 19: 8 - Então todo o povo respondeu a uma voz, e disse: Tudo o que o SENHOR tem falado, faremos. E relatou Moisés ao SENHOR as palavras do povo.

7. Neste concerto com Israel, que obrigação foi imposta ao povo?

Êxodo 19:5 - Agora, pois, se diligentemente ouvirdes a minha voz e guardardes a minha aliança (concerto). Primeira parte do texto

8. Sobre o que se baseava esse concerto com Deus?

Deuteronómio 4:13 - Então vos anunciou ele a sua aliança que vos ordenou cumprir, os dez mandamentos, e os escreveu em duas tábuas de pedra.

Tanto o velho como o novo concertos, baseavam-se nos dez mandamentos. Propondo um concerto com Israel, disse Deus: Se diligentemente ouvirdes a minha voz, e guardardes o meu concerto? Etc… Êxodo 19:5. (Ver Êxodo 24:8). A obediência aos dez mandamentos foi a condição do velho concerto, em relação à qual Deus fez certas promessas ao povo. A obediência aos mesmos dez preceitos é igualmente a base do novo concerto, pois o Senhor declarou: “Este é o concerto que farei com a casa de Israel, diz o Senhor; porei as minhas Leis no seu entendimento, e em seu coração e as escreverei; E Eu lhes serei por Deus, e eles Me serão por povo” Hebreus 8:10. Assim como disse Stewart M.Robinson, “alei é um parágrafo de um concerto de Graça.” (The Presbyterian, 28 de Julho de 1932.) Sob o evangelho, só pode participar do novo concerto quem tenha conhecimento da lei de Deus, e lhe obedeça sinceramente.

9. Depois de proclamada a lei no Sinai, que disse Deus novamente o povo?

Êxodo 24:3 - Veio, pois, Moisés, e contou ao povo todas as palavras do SENHOR, e todos os estatutos; então o povo respondeu a uma voz, e disse: Todas as palavras, que o SENHOR tem falado, faremos.

10. A fim de que não houvesse dúvidas, que fez Moisés?

Êxodo 24:4-7 - Moisés escreveu todas as palavras do SENHOR, e levantou-se pela manhã de madrugada, e edificou um altar ao pé do monte, e doze monumentos, segundo as doze tribos de Israel; E enviou alguns jovens dos filhos de Israel, os quais ofereceram holocaustos e sacrificaram ao SENHOR sacrifícios pacíficos de bezerros. E Moisés tomou a metade do sangue, e a pôs em bacias; e a outra metade do sangue espargiu sobre o altar. E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o SENHOR tem falado faremos, e obedeceremos.

11. Que prometeu o povo mais uma vez fazer?

Êxodo 24:7 - E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o SENHOR tem falado faremos, e obedeceremos.

12. Como foi esse concerto então confirmado e aceito solenemente?

Êxodo 24:5-8 - E enviou alguns jovens dos filhos de Israel, os quais ofereceram holocaustos e sacrificaram ao SENHOR sacrifícios pacíficos de bezerros. E Moisés tomou a metade do sangue, e a pôs em bacias; e a outra metade do sangue espargi...u sobre o altar. E tomou o livro da aliança e o leu aos ouvidos do povo, e eles disseram: Tudo o que o SENHOR tem falado faremos, e obedeceremos. Então tomou Moisés aquele sangue, e espargiu-o sobre o povo, e disse: Eis aqui o sangue da aliança que o SENHOR tem feito convosco sobre todas estas palavras.

13. Como descreve S. Paulo esta ratificação do concerto?

Hebreus 9:19,20 - Porque, havendo Moisés anunciado a todo o povo todos os mandamentos segundo a lei, tomou o sangue dos bezerros e dos bodes, com água, lã purpúrea e hissope, e aspergiu tanto o mesmo livro como todo o povo, Dizendo: Este é o sangue do testamento que Deus vos tem mandado.

Temos aqui uma descrição ,completa da instituição do primeiro ou velho concerto. Deus prometera fazer deles Seus povo peculiar, sob condição de Lhe obedecerem aos Seus mandamentos. Três vezes eles prometeram obediência. O concerto foi então ratificado ou selado com sangue.

14. Decorridos menos de quarenta dias depois de ter feito este concerto, enquanto Moisés tardava no monte, que disse o povo a Arão?

Êxodo 32: 1 - Mas vendo o povo que Moisés tardava em descer do monte, acercou-se de Arão, e disse-lhe: Levanta-te, faze-nos deuses, que vão adiante de nós; porque quanto a es...te Moisés, o homem que nos tirou da terra do Egipto, não sabemos o que lhe sucedeu.

15. Ao descer do Sinai, que viu Moisés?

Êxodo 32: 19 - E aconteceu que, chegando Moisés ao arraial, e vendo o bezerro e as danças, acendeu-se-lhe o furor, e arremessou as tábuas das suas mãos, e quebrou-as ao pé do monte;

É aqui revelado o grande objectivo ou segredo do velho concerto. O povo não compreendeu a fraqueza e pecaminosidade de seu próprio coração, nem sua necessidade de divina graça e auxílio para guardar a lei; e assim, em sua ignorância prontamente comprometerem-se a lhe obedecer. Mas quase imediatamente começaram a cometer adultério, quebrando, assim a Lei de Deus, ou as suas condições impostas como parte no concerto. Entre si mesmas as condições eram boas; Mas em sua própria força o povo era incapaz de cumpri-las. O grande objectivo do velho concerto era, pois, ensinar ao povo suas fraquezas e incapacidade de guardar a lei sem o auxílio divino. Como a própria lei, sobre que se baseava o velho concerto, o desígnio deste era guardá-los para as providências do novo e eterno concerto, e conduzi-los a Cristo. Gálatas 3:23,24. E a lição que, como nação, Israel teve de aprender com isso, Cada individuo precisa agora de aprender antes de poder ser salvo. 

Não existe salvação para quem quer que confie em si próprio. Desajudado ninguém pode guardar a lei. Somente em Cristo há tanto a remissão dos pecados como poder para livrar de pecar. A quebra das tábuas da Lei significava que as condições do concerto haviam sido quebradas; e a renovação das tábuas (Êxodo 34:1 e 28), a paciência divina para com o seu povo

16. Em que difere o novo concerto do velho e em que o excede?

Hebreus 8:6 - Mas agora alcançou ele ministério tanto mais excelente, quanto é mediador de uma melhor aliança que está confirmada em melhores promessas.

17. Quais são as “melhores promessas” sobre que foi estabelecido o novo concerto?

Jeremias 31: 33,34 - Mas esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o SENHOR: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. E não ensinará mais cada um a seu próximo, nem cada um a seu irmão, dizendo: Conhecei ao SENHOR; porque todos me conhecerão, desde o menor até ao maior deles, diz o SENHOR; porque lhes perdoarei a sua maldade, e nunca mais me lembrarei dos seus pecados.

Hebreus 8:8-12 - Porque, repreendendo-os, lhes diz: Eis que virão dias, diz o Senhor, Em que com a casa de Israel e com a casa de Judá estabelecerei uma nova aliança, Não segundo a aliança que fiz com seus pais No dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egito; Como não permaneceram naquela minha aliança, Eu para eles não atentei, diz o Senhor. Porque esta é a aliança que depois daqueles dias Farei com a casa de Israel, diz o Senhor; Porei as minhas leis no seu entendimento, E em seu coração as escreverei; E eu lhes serei por Deus, E eles me serão por povo; E não ensinará cada um a seu próximo, Nem cada um ao seu irmão, dizendo: Conhece o Senhor; Porque todos me conhecerão, Desde o menor deles até ao maior. Porque serei misericordioso para com suas iniquidades, E de seus pecados e de suas prevaricações não me lembrarei mais.

Estas nada são mais são que as bênçãos do evangelho por meio de Cristo. São prometidas sob condição de arrependimento, confissão, fé e aceitação de Cristo, o Mediador de um novo concerto, que significa Salvação e obediência. Não havia no velho concerto providência para perdão, nem poder para obedecer. Verdade é que havia perdão durante a vigência do velho concerto, mas não por virtude do mesmo. O perdão tanto naquela época como agora, era obtido mediante as providências do novo concerto, cujos estatutos são mais antigos que o velho.

18. Em que declaração foi Cristo prometido como Salvador e Libertador do género humano, logo que entrasse o pecado?

Génesis 3:14,15 - Então o SENHOR Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto, maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e pó com...erás todos os dias da tua vida. E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.

O concerto da graça, com suas providências de perdão e paz, data da fundação do mundo.

19. A quem foi renovada mais tarde esta promessa do concerto?

Génesis 17:15-19 - Disse Deus mais a Abraão: A Sarai tua mulher não chamarás mais pelo nome de Sarai, mas Sara será o seu nome. Porque eu a hei de abençoar, e te darei dela um filho; e a abençoarei, e será mãe das nações; reis de povos sairão dela. Então caiu Abraão sobre o seu rosto, e riu-se, e disse no seu coração: A um homem de cem anos há de nascer um filho? E dará à luz Sara da idade de noventa anos? E disse Abraão a Deus: Quem dera que viva Ismael diante de teu rosto! E disse Deus: Na verdade, Sara, tua mulher, te dará um filho, e chamarás o seu nome Isaque, e com ele estabelecerei a minha aliança, por aliança perpétua para a sua descendência depois dele.

20. Quem foi aqui a semente aqui mencionada?

Gálatas 3:16 - Ora, as promessas foram feitas a Abraão e à sua descendência. Não diz: E às descendências, como falando de muitas, mas como de uma só: E à tua descendência, que é Cristo.

21. Que mostra que o novo ou segundo concerto, e o concerto abraãmico são virtualmente os mesmos?

Gálatas 3:29 - E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa.

Ninguém deve ficar confuso com os termos primeiro concerto e segundo concerto. Conquanto o concerto feito no Sinai seja chamado primeiro concerto, não é absolutamente o primeiro concerto que Deus fez com o homem. Muito antes disso fez Ele um concerto com Abraão; fez também um concerto com Noé e com Adão. Nem se deve supor que o primeiro ou velho ou velho concerto existisse por algum tempo na qualidade de único concerto com a humanidade, e que este devesse servir o seu propósito e terminar antes que qualquer pessoa pudesse participar das bênçãos prometidas no segundo ou novo concerto. Caso assim fosse durante algum tempo não haveria perdão para ninguém. O que é chamado novo ou segundo concerto, virtualmente existiu antes do concerto feito no Sinai; porque o concerto feito com Abraão foi confirmado em Cristo (Gál. 3:17), e é somente por Cristo que existe qualquer valor no novo ou segundo concerto. Não existe em virtude dos novo concerto, bênção alguma que se possa alcançar, a qual não haja sido prometida a Abraão. E nós, com quem é feito o novo concerto, só sendo filhos de Abraão, podemos participar de suas bênçãos e da herança que esse concerto promete. Gal. 3:7 e 9. E visto ninguém poder possuir qualquer coisa a menos que seja filho de Abraão, segue-se que, no que é chamado novo ou segundo concerto, nada existe que não estivesse no concerto feito com Abraão. O segundo concerto existia em todo pormenor essencial, excepto sua ratificação, muito antes do primeiro, e mesmo antes dos dias de Adão. É chamado segundo porque sua ratificação ocorreu depois do concerto feito e ratificado no Sinai.

22. Que é necessário onde existe testamento?

Hebreus 9:16,17 - Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador. Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive?

23. Com o sangue de quem foi ratificado o novo concerto?

Lucas 22:20 - Semelhantemente, tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue, que é derramado por vós.

24. Que poder há no sangue deste concerto?

Hebreus 13:20,21 - Ora, o Deus de paz, que pelo sangue da aliança eterna tornou a trazer dos mortos a nosso Senhor Jesus Cristo, grande pastor das ovelhas, Vos aperfeiçoe em toda a boa obra, para fazerdes a sua vontade, operando em vós o que perante ele é agradável por Cristo Jesus, ao qual seja glória para todo o sempre. Amém.

25. Por meio de que testamento, só, há, remissão de pecados?

Hebreus 9:14,15 - Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo? E por isso é Mediador de um novo testamento, pa...ra que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia debaixo do primeiro testamento, os chamados recebam a promessa da herança eterna.

O facto de Cristo, como mediador do segundo concerto, haver morrido para a remissão das transgressões ao primeiro concerto, mostra que não havia perdão por virtude do primeiro concerto.

26. Na vigência do velho concerto, que prometeu o povo?

Sob este concerto, o povo prometeu guardar todos os mandamentos de Deus a fim de ser Seu povo peculiar, e isto sem o auxílio de quem quer que fosse. Isto era uma promessa de tornarem-se justos. Mas Cristo diz: “Sem Mim nada podeis fazer.” S. João 15:5. E diz o profeta Isaías: “Todas as nossas ,justiças (são como trapo da imundícia.” Isa. 64:6. A única justiça perfeita é a divina, e esta só pode ser alcançada por meio da fé em Cristo. Rom. 3:20-26. A única justiça que assegurará. a entrada no reino de Deus é “a justiça que vem de Deus pela fé.” Filip. 3:9. Dos que herdam o reino de Deus, diz o Senhor: “... a sua justiça. que vem de Mim” (Isa. 54:17) ; e o profeta Jeremias diz de Cristo: “Este será o Seu nome, com que O nomearão: O Senhor Justiça Nossa.” Jer. 23:6.

27. Sob o novo concerto, que promete Deus fazer?

Jeremias 31:33 - Mas esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o SENHOR: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.

O novo concerto é uma providência para pôr o homem novamente em harmonia com a vontade divina, e pô-lo onde possa guardar a lei de Deus. Suas “melhores promessas” conferem o perdão dos pecados, graças para renovar o coração e poder para obedecer à lei de Deus. 

A dissolução do velho concerto e a feitura do novo, de maneira alguma abrogou a lei de Deus.

28. Onde sob o velho concerto, estava escrita a lei de Deus?

Deuteronómio 10:3,4 - Assim, fiz uma arca de madeira de acácia, e alisei duas tábuas de pedra, como as primeiras; e subi ao monte com as duas tábuas na minha mão. Então escreveu nas tábuas, conforme à primeira escritura, os dez mandamentos, que... o SENHOR vos falara no dia da assembleia, no monte, do meio do fogo; e o SENHOR mas deu a mim;

29. Onde sob o novo concerto, está escrita a lei de Deus?

Jeremias 31:33 - Mas esta é a aliança que farei com a casa de Israel depois daqueles dias, diz o SENHOR: Porei a minha lei no seu interior, e a escreverei no seu coração; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.

30. Que razão é apresentada para a feitura do novo concerto?

Hebreus 9:7,8 - Porque, se aquela primeira fora irrepreensível, nunca se teria buscado lugar para a segunda. Porque, repreendendo-os, lhes diz: Eis que virão dias, diz o Senhor, Em que com a casa de Israel e com a casa de Judá estabelecerei uma... nova aliança,

A falta principal, em relação ao velho concerto, partiu do povo. Eles não eram capazes por si mesmos, de cumprir a sua parte no concerto, e ele não lhes proporcionava o auxílio para assim procederem. Não, havia nele, Cristo. Era de obras e não de graça. Apenas valia como meio para fazer-lhes reconhecer a própria pecaminosidade, bem como sua necessidade de auxílio divino.

31. Que une todos os crentes sob o novo concerto?

Efésios 2:11-13 - Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens; Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo. Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto.

32. SEMELHANÇA ENTRE OS DOIS CONCERTOS

Ambos são chamados concertos.

Ambos foram ratificados com sangue.

Ambos foram feitos com base na lei de Deus.

Ambos foram feitos com o povo de Deus.

Ambos foram estabelecidos sobre promessas.

33. DISSEMELHANÇA ENTRE OS DOIS CONCERTOS

VELHO CONCERTO

Chamado velho concerto

Chamado primeiro concerto

Um pacto temporário

Ratificado com o sangue de animais

Era repreensível

Era estabelecido sob as promessas do povo

Não tinha mediador

Não continha providência para o perdão dos pecados

Sob ele, a lei foi escrita em tábuas de pedra

Era de obras

Condições: Obedece e vive. Desobedece e morre.

34. DESSEMELHANÇA ENTRE OS DOIS CONCERTOS

NOVO CONCERTO

Chamado Novo concerto

Chamado segundo concerto

Um concerto eterno

Ratificado com o sangue de Cristo

É uma melhor promessa

É estabelecido sobre as promessas de Deus

Tem um mediador

Provê o perdão dos pecados

Sob ele, a lei é escrita nos corações

É de graça

Condições: Arrepende-te e serás perdoado; Crê e serás salvo

O VELHO

Se. Se vós. Se vós fizerdes.

Se vós fizerdes tudo

Se vós fizerdes tudo, estão,

Sereis o meu povo, e Eu serei o vosso Deus.

O NOVO

Eu. Eu farei.

Eu farei tudo.

Eu farei tudo, e,

Serei o vosso Deus, e vós sereis o meu povo.